Escorpião Amarelo

O título veio de um texto que escrevi para uma peça de teatro em homenagem a Nelson Rodrigues. Batata!, do grupo baiano Dimenti. Virou conto, mas acho que já nasceu conto, e puxa os outros, como um  novelo. Há crônicas também e exercícios de observação. Sou muito humilde em relação ao que escrevo. Antes de publicar, submeti a dois amigos em quem confio 110%. Clarice Lispector já dizia: “quem tem medo não escreve”. Escrever exige mesmo destemor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s